Litoteca IGc-USP

LITOTECA

A Litoteca do IGc é uma iniciativa que visa a organização e preservação do inestimável acervo de minerais, rochas e minérios fruto do trabalho de nossos alunos, pesquisadores, docentes e funcionários.

Coleção Poços de Caldas - Horstpeter Ulbrich - Fonolitos e Nefelina sienitos - Poços de Caldas, MG - Brasil

Dublin Core

Título

Coleção Poços de Caldas - Horstpeter Ulbrich - Fonolitos e Nefelina sienitos - Poços de Caldas, MG - Brasil

Assunto

A coleção Poços de Caldas foi criada pelo Prof. Horstpeter Herberto Gustavo José Ulbrich, em meados dos anos 1970.

Descrição

O maciço alcalino de Poços de Caldas (Minas Gerais - Brasil) apresenta-se como ocorrência de forma subcircular e tamanho superior a 800km². É constituído principalmente por fonolitos e nefelina sienitos, e subordinadamente por rochas piroclásticas. Da antiga cobertura sedimentar, restam ainda afloramentos geralmente esparsos de arenitos e siltitos interestratificados, atribuídos ao Grupo Tubarão (Neo-Paleozóico).
Constituídos predominantemente por feldspato potássico, nefelina e piroxênio, os nefelina sienitos do distrito (143km²) são rochas monótonas do ponto de vista mineralógico, e devem sua diversidade a variações na textura e nos teores de minerais acessórios.
Como todo maciço alcalino característico, Poços de Caldas está colocado em área cratônica de complexa história, na borda de uma vasta área de sedimentação, a Bacia do Paraná, receptáculo adicional de derrames basálticos. A subsidência constante da Bacia do Paraná, o surgimento nesta área dos enormes derrames basálticos do Eocretácico, e a própria colocação de grande quantidade de rochas alcalinas (das quais Poços de Caldas é apenas expressão de maior importância) são fenômenos que os geólogos consideram ligados a uma manifestação de maior realce, a abertura do Oceano Atlântico meridional.
Importância
O planalto de Poços de Caldas é uma das maiores ocorrências
de rochas alcalinas do globo. É rodeado por uma cinta de rochas sedimentares clásticas, que testemunharam e registraram os importantes acontecimentos geológicos ocorridos, incluindo o vulcanismo. Desse modo, as rochas sedimentares têm importante papel na datação como ponto de referência no tempo. Por outro lado, os sedimentos são muito importantes, auxiliando o reconhecimento e estudo das estruturas da região.
Foram também estudadas as rochas clásticas diretamente
ligadas, quanto à origem, ao vulcanismo. São representadas por rochas piroclásticas propriamente ditas, isto é, por rochas expelidas por vulcões e por brechas associadas às intrusões alcalinas. Este último tipo compreende as rochas primariamente piroclásticas, ígneas, ou sedimentares, que sofreram movimento,
injeção, ou percolação de material ígneo. O estudo das brechas é de importância capital para o conhecimento das condições
geológicas que existiram na região.

Autor

Ulbrich, Horstpeter Herberto Gustavo Jose

Ulbrich, Mabel Norma Costa (orientador Prof. Celso de Barros Gomes)

Garda, Gianna Maria (orientador Prof. Horstpeter Herberto Gustavo Jose Ulbrich)

Fonte

Clique aqui para acessar o trabalho
Tese de Livre - docência Prof. Horstpeter Herberto Gustavo Jose Ulbrich A petrografia, a estrutura e o quimismo de nefelina sienitos do maciço alcalino de Poços de Caldas, MG-SP
Dissertação de mestrado Gianna Maria Garda - A alteração hidrotermal no contexto da evolução geológica do maciço alcalino de Poços de Caldas, MG-SP
Tese de doutoramento Mabel Norma Costas Ulbrich-  Aspectos mineralógicos e petrológicos de nefelina sienitos do maciço alcalino de Poços de Caldas, MG-SP

Data

Tese Mabel Ulbrich defendida em 1983.
Livre docência José Ulbrich defendida em 1984;
Dissertação Gianna Maria Garda defendida em 1990.
Amostras incorporadas ao acervo Litoteca IGc USP em 2015.

Intens de Coleção.

Coleção Poços de Caldas
O maciço alcalino de Poços de Caldas (Minas Gerais - Brasil) apresenta-se como ocorrência de forma subcircular e tamanho superior a 800km². É constituído principalmente por fonolitos e nefelina sienitos, e subordinadamente por rochas piroclásticas.…

Possui graduação em Licenciatura Em Ciências Geológicas - Universidad de Buenos Aires (1963), mestrado em Geology And Geophysics - University of California (1971) e doutorado em Geociências (Mineralogia e Petrologia) pela Universidade de São Paulo…

Possui graduação em Geologia - Universidad de Buenos Aires (1963) e Ph.D. em Geologia - University of California, Berkeley (1974). Assistente no Mineralogisches Institut, Universidade de Basiléia, Suiça e no Department of Geological Sciences,…

Graduada em Engenharia pela Escola Politécnica da USP (1979), bacharéu em Geologia pelo Instituto de Geociências da USP (1985) e licenciada em Geologia pela Faculdade de Educação da USP (1990); mestre em Mineralogia e Petrologia pelo Instituto de…

Amostra P30
Nefelina sienito híbrido

Amostra P32
Amostra coletada em campo, marcada no mapa anexo ao fim da tese porém ainda não analisada.

Amostra P34
Nefelina Sienito do Interior do maciço - Pedreira, típico, de granulação grossa.

Amostra P35
Amostra coletada em campo, marcada no mapa anexo ao fim da tese porém ainda não analisada.

Amostra P36
Amostra coletada em campo, marcada no mapa anexo ao fim da tese porém ainda não analisada.
Ver todos os 223 itens.

Árvore de Coleções